FANDOM


Ghede é um renomado Setita de 6ª geração. Soberano vampírico do Haiti e influente nos vários cultos vodu que existem por lá.

BiografiaEditar

O respeitável Setita conhecido como Ghede foi o primeiro de seu Clã a se infiltrar na ilha caribenha do Haiti. Ghede, africano por nascimento, enviou seus ghouls ao Haiti no início de 1700, onde se infiltraram nos cultos vodus da ilha e prepararam o caminho para a chegada de seu mestre. Uma vez que Ghede se encontrava na ilha, ele convocou sua neófita Ezuli ao Haiti, onde ela fundou o primeiro templo Setita da ilha, e preparou o “terreno” para a chegada de muitos outros Setitas. Enquanto Ghede se fazia passar como o deus da morte, Ezuli posava como deusa do amor e da lua. Com o passar dos anos, ela reuniu muito mais adoradores do que seu senhor. Ver Ezuli roubar seus seguidores deixou Ghede enfurecido, e os dois poderosos Setitas não se falam desde 1805, salvo em cólera.

Ghede é um vampiro de 6ª geração, e foi Abraçado por volta do ano 100 A.C. Como um gladiador etíope, seu talento em matar seus oponentes de arena, foi o que primeiro atraiu os Seguidores de Set até ele. Seus movimentos são suaves e felinos, sua pele é negra como o ébano, e sua cabeça é lisa. Várias cicatrizes de seus dias mortais cruzam o corpo liso e musculoso de Ghede. Ele prefere a simplicidade, roupas claras, e se assemelha mais com um rei africano do que com um deus. No Haiti seu poder é quase ilimitado, porém sua posição é muitas vezes ameaçada por jovens Setitas.

Além de sua própria cria, o maior inimigo de Ghede é o Serpente da Luz chamado Legba, um antitribu nascido no Haiti em operação fora de Port-au-Prince. Os seguidores deste renegado fazem de tudo para atrapalhar a rede de assassinos, hougans e iniciados de Ghede, que por muitos anos têm controlado a turbulenta ilha, e seus governadores. A batalha subseqüente tem contaminado a população do Haiti com terror, e até os inocentes da poderosa jyhad que ocorre durante as noites tropicais estão cientes de que algo está muito errado em sua pequena ilha, e como resultado estão fugindo de seu país em grandes números.

ReferênciasEditar

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.